Adeus código aberto, olá código fechado

Comentários de textos colocados no blog

Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor jaguilar » 11 Fev 2011, 15:57

jaguilar
Site Admin
 
Mensagens: 898
Data de registro: 21 Mar 2010, 03:32
Localização: São Paulo

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor Professador » 11 Fev 2011, 22:32

Futurologia:
A Nokia vai ser fagocitada pela Microsoft;
O Meego vai servir de base para windows phone, isso já aconteceu, se eu não me engano com o windows server, dói muito saber que por trás de um sistema totalmente fechado tem uma base feita com espírito de software livre...
Este CEO da nokia, parece comprado pela MS... está jogando contra os interesses finlandeses;
Para os consumidores, vai ser complicado: quando se compra um computador novo com windows, ele, gradativamente, com as atualizações, vai ficando mais lento, porque a MS quer que vc o troque por um mais novo, com o novo SO. Imagine isso nos smarthphones, espero que as atualizações do n900 sejam só as feitas pela comunidade...
Lamento muito o fim da QT, é uma pena para todos os geeks.
Dúvidas:
1- o Meego é tão ruim assim? é inviável? pois chegaria primeiro que o win...
2- e a intel?? vai ter smarthphone win atom?
3-e o mercado dos tablets? a Nokia pulou fora?
Professador
 
Mensagens: 27
Data de registro: 23 Mar 2010, 22:43

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor darkshi » 12 Fev 2011, 00:19

Vou resumir o que disse em varios outros lugares sobre o tema.
Isso é a cereja do bolo das más decisões da Nokia nos ultimos 5 anos. Desdo sucesso do n95.

Ela teve anos para mordenizar o Symbian. Mas preferiu enrolar. Teve anos para fazer uma loja de vendas decente. Mas preferiu continuar com um modelo caro e ruim. Poderia ter apostado mais no n900 e no maemo, mas preferiu "matar" um SO maduro com 2 meses de lançamento do mais novo aparelho, para começar outro do zero.

Abandonar tudo e adotar o WM7 é mera cereja do bolo.


Agora, futurologia é complicado. Ninguém sabe o dia de amanhã. Basta essa atual politica demonstrar que não dará muitos frutos, para os acionistas pedirem a cabeça do CEO e abortarem todos esses planos. Mas é o mais claro sinal que a era nokia dos cels acabou. Daqui em diante ela será apenas mais uma entre dezenas de fabricantes.
darkshi
 
Mensagens: 10
Data de registro: 09 Jul 2010, 11:40

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor Jotoco » 12 Fev 2011, 01:35

Jorge, obrigado por postar o texto.

E queria completar aqui que fica triste, muito triste com isso.

Primeiro que, como eu já disse no tópico do Nexus S x n900, NENHUM sistema de smartphone me atende hoje, teria que ser ainda mais completo que o Maemo, e aberto. Agora não tenho esperanças de que isso aconteça nos próximos 10 ou 15 anos, infelizmente.

A Nokia, que era a única fabricante a concorrer com a Apple, morreu, sumiu. Vai virar mais uma. Depois da Apple, então, vai ter que somar umas 10 fabricantes pra fazer frente, o que eu acho que não vai ser bom pro mercado, vai ser péssimo, e só vai fazer com que todos a queiram copiar e vai fechar ainda mais o mercado.

Gostaria que, sei lá, a Intel, AMD e ARM abraçassem o MeeGo e o desenvolvessem por completo, já que a Nokia abandonou. Mas acho difícil, porque a intel já está querendo entrar no filão do Android e não vai precisar do MeeGo. A ARM está indo muito bem obrigado, em todas as plataformas. E a AMD não sei, mas acredito que vá tentar abocanhar parte do Android também, ela não tem dinheiro pra ficar gastando desenvolvendo um ecossistema próprio e a chance de dar certo é mínima. Além do que a AMD tem produtos que cabem bem melhor num Tablet (aliás, um tablet com Zacate ia ser um tesão).

Sei lá, desanimei com o mercado de smarts. Acho que vou ficar com o n900 até ele morrer e depois comprar um cel simplezinho mesmo, e se tiver algum tablet com Windows/Linux de Desktop no mercado eu compro. Mas vai ter que ser tablet x86 com hardware aberto, que suporte eu fazer o que eu bem entender, senão nem isso.
Jotoco
 
Mensagens: 114
Data de registro: 22 Jul 2010, 11:06

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor jaguilar » 12 Fev 2011, 01:37

Professador escreveu:Lamento muito o fim da QT, é uma pena para todos os geeks.

Opa....pensar isso é um ENORME erro!!!!! O Qt não acabou, e não acabará tão cedo!!!!!! O ambiente gráfico KDE (um dos mais utilizados pelas distribuições Linux, junto ao Gnome) usa essa biblioteca em sua essência. Aliás, o Qt hoje em dia é o que é justamente graças ao KDE.

Se por acaso a Nokia deixar de desenvolver a biblioteca há uma fundação ligada ao KDE que tem permissão de continuar o seu desenvolvimento sob outra licença (ao invés da GPL/LGPL atuais, através da BSD, e isso incluir casos de falência do proprietário da biblioteca inclusive).

O Qt não sofre nenhum tipo de ameaça.

Professador escreveu:1- o Meego é tão ruim assim? é inviável? pois chegaria primeiro que o win...

A versão que eles lançaram anunciando como primeira versão final não passava de uma versão pré-alpha de tão crua que estava. Para tablets parece que ele estava mais avançado....mas para celulares sem chance. O Windows Phone está pronto.

Professador escreveu:2- e a intel?? vai ter smarthphone win atom?

Pra Intel é indiferente o sistema operacional.

Professador escreveu:3-e o mercado dos tablets? a Nokia pulou fora?

E ela já esteve dentro alguma vez? :)
jaguilar
Site Admin
 
Mensagens: 898
Data de registro: 21 Mar 2010, 03:32
Localização: São Paulo

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor rafaelbc » 12 Fev 2011, 11:55

Para a Nokia pelo ponto de vista comercial foi necessário nesse momento essa parceria pois ela estava perdendo mercado muito rápido, e outra, a empresa não desistiu do Symbian ou do Meego apenas diminuiu o investimento nesses dois projetos por enquanto.

Pensa por esse lado galera, foi necessário, pois se continuasse investindo em dois sistemas incompletos ou que ainda não estão em nível de competição com outros do mercado ela acabaria se afundando mais ainda e se com essa parceria com a Microsoft conseguir mante-la no topo ainda terá ganhado mais tempo e menos pressão para dedicar-se as duas plataformas, a Microsoft também não tem essa autonomia de bloquear qualquer outro sistema da Nokia. Já o contrário, a Nokia conseguiu ter a liberdade de alterar o Win7 para se adequar aos aparelhos, e já avisou que está fazendo modificações no Symbian.

Mas posso estar errado também e ela ceder a pressões externas e se esquecer desses projetos como foi com o meego!
Agora é ver o que acontece, espero que a Nokia surpreenda a gente dessa vez!!!!
rafaelbc
 
Mensagens: 17
Data de registro: 22 Jul 2010, 14:28

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor Daniel Diplay » 12 Fev 2011, 18:58

R.I.P. Nokia para mim! Com total certeza o meu futuro smartphone não será da marca Finlandesa.

Eu estou vendo um REPEAT PLEASE da PALM! Deitou em cima da carne seca quando dominava o mercado, dormiu e quando acordou, já tava levando uma rasteira e rasteira feia, com as mãos no bolso! Tentou levantar, colocando sistema da Micro$oft, se afundou mais ainda por se tornar mais uma no mercado, daí quando caiu em si e desenvolveu um diga-se de passagem, ótimo OS para smartphone (WEB OS), não adiantou mais, a marola já tinha passado inteira e e teve o fim melancólico que acabamos de assistir, foi comprada, sugada as suas entranhas e cospida fora pela HP... Tive muitos PDA's e 2 smartphones da PALM (IIIxe, Vx, M505, Zire 72, Treo 650 e 680) e assisti de carteirninha esse final triste de uma grande inovadora de tecnologia... Se não fosse a PALM acredito que não existiria da forma que são hoje os smartphones...

Verdade: Nokia está desesperada.
Imagem N900 + Zagg Invisible Shield + bateria extra + carregador de mesa xing ling :P
Daniel Diplay
 
Mensagens: 105
Data de registro: 23 Mar 2010, 10:33
Localização: Rio de Janeiro, Brasil

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor marcoxxx » 12 Fev 2011, 19:56

Eu espero que a Nokia tenha um plano B, e não apenas isso, como também mais alguma carta na manga. Esta parceria aí tem tudo pra dar errado. Mesmo se der certo, não resolve nem metade dos problemas da Nokia. Acho até que "ser fagocitada" pela Microsoft já não seria de todo mal. Bancando o futurólogo também, acho que a liderança ela já perdeu, nào tem mais jeito, trata-se agora de sobreviver, continuar tendo lucro, essas coisas do capitalismo.

Por exemplo, não está resolvido ainda na minha cabeça como eles vão continuar faturando o mesmo que hoje daqui a alguns anos. A Nokia sempre faturou cobrindo todo o espectro de produtos, dos mais baratos até os mais caros. Esse plano por enquanto só resolve o segmento mais caro. Ou vai ter Windows Phone de 400 reais, de 200? Eles falam em converter os usuários Symbian atuais para outras plataformas da Nokia, mas não vejo como, já que o tempo é curto eles não tem um produto moderno para ocupar este segmento de preço. Como falei no tópico anterior, nesta faixa de preço que eles querem deixar o Symbian, logo vai entrar Androids chineses de baixo custo. Não apenas os fabricantes de MP<n> do camelô e do contrabando, mas também os homologados pela Anatel, vendidos por operadoras (e com Android Market e níveis de radiação seguros :D ...). Por 500, depois 400, 200, etc. Até os fabricantes "ocidentais" já estão reduzindo preço dos Androids, como a Motorola. Como a Nokia vai competir com isso, usando um produto antigo, "dead end"?

Com a economia de escala e otimização, os chips pra fazer um smartphone vão estar cada vez mais baratos e integrados, permitindo reduzir, se for preciso, o preço final ao consumidor. Chineses não se preocupam no momento em ter produto diferenciado, eles querem tomar mercado, oferecendo um produto razoável mais barato. Então se o preço de um Android barato (mas no mercado formal de lojas e operadoras) for o mesmo ou menor que um smartphone com Symbian, eu estou apostando nas pessoas adotando Androids em massa. A qualidade do hardware da Nokia talvez ainda seja melhor, mas ainda assim aposto nas pessoas comuns preferindo o Android ao Symbian, quando a escolha for entre esses dois. Eu acho que isso já deve começar a ocorrer esse ano. A perspectiva da Nokia nesse mercado, com o que eu sei até agora, é muito ruim. A estratégia dela com o WP7 é arriscada e só cobre uma faixa, e o Symbian está sendo congelado pela própria Nokia. Com as cartas que estão na mesa, aposto no iOS e no Android cada vez mais dividindo quase todo o mercado, sendo que o iOs competindo apenas no segmento mais caro. Por isso que eu gostaria de ter uma alternativa, tipo o Meego, pra fazer uma competição salutar de sistemas, não apenas de fabricantes.

Meego: num dos slides da apresentação do Elop tem o percentual de investimentos em pesquisa, e tem uma faixa verde que é referente ao Meego, bem mais magra do que a do ano anterior. Não parou, mas se já tava lento antes... Mas não depende só da Nokia, tem a Intel, só que a Intel sozinha não vende para o consumidor final.

Intel: acho que ela perde. Tinha a intenção de lançar smartphone da Nokia com Meego e Atom, e começar a entrar com força nos equipamentos móveis. Se a Nokia deixa o Meego de lado, ou adia, ou tira da prioridade, quem vai fazer isso? O WP7 até agora só saiu com ARM, nem sei se tem port x86. Além disso, o Android tem versão x86, mas que eu saiba ninguém lançou smartphone com ele, nem android tablet. A Microsoft já anunciou uma versão do Windows 8 (pra PC) para ARM. A nVidia esta fazendo processadores com arquitetura ARM para celulares (tegra 2). A HP vai levar WebOS, que atualmente só roda em ARM, pra notebooks e tablets, provavelmente com ARM... A ARM já está planejando processadores para servidores, e recompilar o linux para ARM é quase imediato. A Intel está lutando para reverter esse quadro, e uma das frentes era um suposto N9 que ia sair com Atom e Meego. Acho que diante disso, o acordo Nokia+MS deve ter sido amargo...
marcoxxx
 
Mensagens: 60
Data de registro: 25 Out 2010, 14:53

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor marcoxxx » 12 Fev 2011, 19:57

... mandou duas vezes ...
marcoxxx
 
Mensagens: 60
Data de registro: 25 Out 2010, 14:53

Re: Adeus código aberto, olá código fechado

Mensagempor Jotoco » 12 Fev 2011, 21:02

marcoxxx escreveu:mas ainda assim aposto nas pessoas comuns preferindo o Android ao Symbian, quando a escolha for entre esses dois.


Eu não conheço nenhuma "pessoa comum" que saiba dizer o que é um smartphone com Android ou um com Symbian. Vão perguntar se é de comer ou passar no cabelo. Das pessoas que eu conheço, só sabem o que é um SO de smartphone quem está disposto a gastar R$1500+ em um celular, e acabam escolhendo iOS por facilidade de uso e maçã.

marcoxxx escreveu:Intel: acho que ela perde. Tinha a intenção de lançar smartphone da Nokia com Meego e Atom, e começar a entrar com força nos equipamentos móveis. Se a Nokia deixa o Meego de lado, ou adia, ou tira da prioridade, quem vai fazer isso? O WP7 até agora só saiu com ARM, nem sei se tem port x86. Além disso, o Android tem versão x86, mas que eu saiba ninguém lançou smartphone com ele, nem android tablet. A Microsoft já anunciou uma versão do Windows 8 (pra PC) para ARM. A nVidia esta fazendo processadores com arquitetura ARM para celulares (tegra 2). A HP vai levar WebOS, que atualmente só roda em ARM, pra notebooks e tablets, provavelmente com ARM... A ARM já está planejando processadores para servidores, e recompilar o linux para ARM é quase imediato. A Intel está lutando para reverter esse quadro, e uma das frentes era um suposto N9 que ia sair com Atom e Meego. Acho que diante disso, o acordo Nokia+MS deve ter sido amargo...


A Intel se ferrou de verde e amarelo. Acredito que a solução seja ela fazer uma PARCERIA com a AMD pra viabilizar a plataforma x86, senão nos tempos vindouros pode acabar sumindo do mercado. Ou então começa a fabricar chips com instruções ARM.

Os últimos processadores de baixo consumo da Intel e AMD já estão praticamente prontos para smartphone/tablet. Basta eles baixarem um pouco mais o consumo de energia. Já que os chips high-end baseados em arm estão consumindo entre 2 e 5W, e os menores consumores de ATOMs e BOBCATS estão muito perto dessa marca, mas acredito serem mais potentes. Para smartphones teriam que ser usados com downclock, talvez, mas para tablets eles são perfeitos. Iriam rodar jogos em alta definição, filmes, tudo sem nem pestanejar.



Mas de tudo isso eu só tenho uma certeza. Em menos de 2 anos a Microsoft adquire a Nokia por MENOS do que o valor do faturamento anual da Nokia em 2010.
Jotoco
 
Mensagens: 114
Data de registro: 22 Jul 2010, 11:06

Próximo

Retornar para Comentários do Blog

Quem está online

Usuários vendo este fórum: Nenhum usuário registrado online e 2 visitantes

cron