Com certeza absoluta a maior falha do N900 é o programa de navegação: o Ovi Maps é simplesmente de dar risada (pra não dizer chorar).

Então acho que muita gente, assim como eu, ficou contente ao saber que há uma empresa com um programa sério, funcional, em desenvolvimento para o N900.

Inicialmente ele estava previsto para o final do ano, depois para o início do ano, e a última notícia era que seria lançado no dia 18 de janeiro. Bem…já passou, e nada. Segundo mensagens no Maemo.org, o pessoal da Sygic está esperando a Ovi Store estabilizar (e ser possível fazer pagamentos através dela), para colocar o programa ali. Na verdade acho que estão esperando é a Nokia liberar o aplicativo na loja….

Mas a ducha de água fria vem quando você entra no site da empresa, vai na seção de compras, seleciona o Maemo como plataforma, e só aparecem algumas opções da Europa e América do Norte para compra.

Um usuário do fórum enviou uma mensagem à empresa questionando sobre os mapas da Austrália, e a resposta não podia ser mais desanimadora:

Hello,

Maps from Australia are not available at this moment. Nokia N900 is selling only in USA and Europe. As soon as it will be available in Australia we bring Australia maps.

Thank you for contacting support and for your interest in our products.

Best regards

Traduzindo: os mapas da Austrália não estão disponíveis neste momento porque a Nokia vende o N900 apenas nos Estados Unidos e na Europa. Assim que o aparelho estiver disponível na Austrália, os mapas de lá serão disponibilizados.

Agora pergunto eu: que diferença faz pra Sygic onde o aparelho está sendo utilizado? Isso não é um problema único e exclusivo do usuário? Ela deveria disponibilizar os mapas para qualquer lugar que já tenha essa opção. Dá pra ver a diferença nas duas figuras abaixo (a primeira é com um aparelho Symbian selecionado, e a segunda com Maemo).

Lamentável uma empresa pensar tão pequeno assim. E mais lamentável ainda para os usuários que ficam sem opções decentes.

Espero que isso muda quando o programa for efetivamente lançado. O que deixa um pouco de esperança é o fato de, ao contrário do que está no email de resposta, a Austrália consta da lista de lugares possíveis de compra.