Mas não para quem tem um N900. A Nokia fez um grande estardalhaço para chamar a atenção para um grande anúncio hoje. As apostas eram numa nova versão da Ovi Store.

Mas o anúncio era sobre o Ovi Maps: ele passará a ser gratuito! Não haverá mais a cobrança da navegação por voz. Ótima notícia!!!

Exceto pra quem tem um N900, que não conta com o Ovi Maps, mas apenas uma versão capada e quase inútil do programa. Ainda há muita discordância sobre se algum dia o N900 contará com uma versão do Ovi Maps utilizável.

Alguns dizem que, já que a Sygic está aí para lançar um programa semelhante, a Nokia talvez tenha desistido, ou então resolveu dar uma “colher de chá”.

Já outros dizem que a Nokia está deixando para a “comunidade” esse trabalho. Em parte, esse medo tem um certo fundamento (rádio FM? MMS?)! Eu acho que se a Nokia está partindo para esse caminho, está correndo um sério risco. Enquanto a empresa se concentrava única e exclusivamente em fabricar hardware era a líder de mercado. Ainda é….mas seriamente ameaçada! E isso começou exatamente à partir do momento em que resolveu entrar em outros mercados, como navegação, serviços na internet, e por aí vai.

Ela diversificou e perdeu o foco.

Concordo que ela precisa diversificar, mas não pode fazer isso apenas para um lado! Se ela se dispôs a lançar um equipamento diferente dos outros que ela mantém, deve se comprometer a também dar suporte a ele.

O custo para uma empresa de um único usuário insatisfeito é muito maior do que uma centena de satisfeitos. Uma única propaganda negativa provoca muito mais danos do que uma positiva dá retorno.

Espero, sinceramente, estar errado, e que a Nokia me desminta lançando em breve uma nova versão do Ovi Maps para o N900.