O programa já está no repositório extras-devel, na seção “office“.

Pretendo montar uma página pra ele, para mais instruções sobre a sua utilização, apesar de achar que ele é bem simples. Ao iniciá-lo, irá solicitar a senha. Após digitá-la, o programa não encontrará o banco de dados (pois ainda não existe) e perguntará se quer criar um, e em seguida pedirá a confirmação da senha (já que ela será utilizada para criptografar os dados, é essencial que o usuário saiba exatamente o que digitou).

Após isso, é só ir criando os grupos….dentro dos grupos os itens, e dentro dos itens os detalhes contendo as informações.

O arquivo contendo os dados fica em /home/user/MyDocs, e tem o nome de pysafe.db. Como comentei, o arquivo está criptografado e compactado (nessa ordem). Então não adianta tentar abrí-lo para ver a estrutura pois não terá sucesso….mas para os curiosos, ele é bem simples: a primeira linha contém a própria senha, para validação após descriptografar (apenas por segurança, já que sem a senha correta é virtualmente impossível que o arquivo seja corretamente descriptografado). A segunda linha contém um checksum dos dados em si, para garantir a integridade deles. E o resto do arquivo é uma representação que o Python cria do dicionário utilizado como banco de dados.