Arquivo por categoria review

Primeiras impressões

Depois de alguns dias usando o aparelho, há algumas coisas que podem ser ditas sem medo de errar:
- não é um aparelho para usuários leigos, que queiram ter tudo na mão de forma fácil! Invariavelmente, em algum momento, você será obrigado a entrar no terminal, como em qualquer distribuição GNU/Linux
- há um problema crônico de bateria. Definitivamente, me parece que a Nokia não consegue acertar na bateria dos seus aparelhos top de linha (alguém lembra do N95 prata? Ou da primeira versão do firmware do N97?)
- a tela às vezes não reconhece onde você efetivamente colocou o dedo
- os aplicativos disponíveis para ele ainda são poucos

Mas o principal, que parece que muita gente não consegue entender: ele não é um celular! Se você procura por um aparelho que tenha muitas funções de telefonia, como agrupar contatos, colocar toques diferentes em cada contato/grupo, ou ainda a possibilidade de utilizar o aparelho tanto em modo retrato (em pé) como paisagem (deitado), esqueça-o!! Pelo menos por enquanto.

Há coisas que precisam ser melhoradas nele, como por exemplo poder organizar os ícones do menu principal em grupos, ou ordená-los alfabeticamente. Também melhorar a resposta ao toque dos dedos (comentado acima).

E até um bug eu já encontrei (pelo menos no meu aparelho): ao ligar o cabo USB para fazer a recarga da bateria, se o aparelho estiver com a tela desligada, nada acontecerá! É necessário mandar exibir a tela, e só então colocar o cabo. Isso acontece pois, pelo que andei lendo, parece que a recarga da bateria é feita por software!! E devem ter esquecido de deixar esse software ativo quando o aparelho estiver com a tela apagada….

Apesar dessas ressalvas, o N900 é um senhor aparelho!! E eu tenho quase certeza de que em cerca de 2 ou 3 atualizações de firmware ele chegará quase à perfeição. E também acredito que muitas das deficiências dele poderão ser sanadas por softwares de terceiros.

Algumas coisas são realmente impressionantes, como a configuração do aparelho na rede de telefonia. Normalmente, quando você coloca um chip num celular, começam a vir algumas mensagens da operadora com informações sobre conexão à internet, acesso WAP, envio de MMS….pois bem, ao colocar o chip da Vivo no meu, não veio NENHUMA mensagem, e tudo já estava automaticamente configurado. Com o aparelho do Lito e chip da TIM foi a mesma coisa. Exceto, óbvio, a parte do MMS, que deve vir apenas no próximo firmware.

Eu só tive um susto com o chip da Vivo, no qual o telefone não entrava na rede 3G. O problema era apenas de configuração do N900, que estava para usar somente a rede GSM.

A qualidade das chamadas que fiz até agora foi satisfatória. Só os falantes dele que não são muito potentes! Parece que os falantes do N95 “gritam” muito mais. Mas isso também pode ser apenas uma questão de atualização.

A navegação na internet por ele é muito interessante. Ele só peca, claro, pelo tamanho! É um pouco difícil clicar num link numa tela do tamanho da dele. Mas todos os sites visitados até agora foram mostrados perfeitamente, e fiz testes entrando no internet banking do Bradesco e do Itaú, assim como no serviço de notas fiscais eletrônicas da Prefeitura de São Paulo (que nem no Firefox do Linux entra direito), e foi tudo quase perfeito: só o site da Prefeitura criou problemas ao digitar meu CPF, pois o script que faria a formatação dele não funcionou…então tive que colocar a pontuação “na mão”.

As mudanças de telas são suaves, sem solavancos, demonstrando o poder do processador e do chip gráfico.

Sobre o GPS e programas que o usam, vale a pena fazer outro post.

Interface com o usuário

Dois vídeos demonstrando a interface com o usuário do aparelho. O primeiro é, obviamente, um vídeo promocional da própria Nokia:

Já o segundo é de um usuário efetivamente utilizando o aparelho, portanto mais realista:

E tem também este, mas que é um vídeo já mais chato, pois além da imagem estar ruim, mal dá pra entender o que o cara fala!

Lembrando que todos esses vídeos foram feito em unidades de pré-produção! Isto é: não é a versão final do software!

Tags:

Alguns (p)reviews

Infelizmente (ou dependendo do ponto de vista, felizmente) nenhum review, preview ou texto sobre o N900 é totalmente confiável em virtude de tudo ser feito em cima das unidades de pré-produção. Ou seja: o aparelho que será vendido poderá ter funções, programas e modos de utilização diferentes dos divulgados.

Claro que a aparência dele, assim como os botões, entradas e saídas não irão mudar.

Mas há dois textos que falam bastante dele, que são interessantes. Um é em português, que pode ser lido aqui.

E o outro, em inglês, está aqui.

Obviamente que há outros textos, até muito mais completos, por aí. Mas o que se pode notar é que o texto nacional foi feito por pessoas que querem o aparelho, enquanto que o texto em inglês é de alguém mais isento.

Tags: